13/05/16

Alunos com déficit recebem atenção especial na Escola Adalice Remígio Gomens, em Monteiro




 Um trabalho pedagógico que desenvolve a coordenação motora e sensorial. A Prefeitura Municipal de Monteiro buscando sempre a promoção da educação inclusiva realizou na Escola Adalice Remígio Gomes no Conjunto Mutirão, um trabalho pedagógico com os seus alunos que possuem necessidades especiais ensinando conteúdos e também com contos e músicas e atividades que desenvolvem a coordenação motora e sensorial.

Este é um dos aspectos das mudanças que vêm ocorrendo na educação, crianças que antes eram excluídas hoje podem contar com um ensino especializado que atenda às suas necessidades, pois a busca da Prefeitura em conjunto com a Secretaria de Educação é sempre no sentido de cada vez mais se adequar ao direito do educando a um saber de qualidade.

As crianças, cerca de 10, que apresentam déficits sejam eles temporários, crônicos, graves ou leves têm recebido uma melhor atenção também pelas salas de AEE. Esta organização no trabalho pedagógico vem melhorando cada dia mais o bem estar de crianças e adolescentes em que seus pais desejem inseri-los na escola regular.

“Educar é principalmente um ato de amor. O professor tem que ir além do conhecimento teórico, é preciso aguçar a percepção e a sensibilidade para identificar as necessidades dos nossos alunos.” Disse a diretora da Adalice Remígio, Vânia Reis sobre o sucesso do projeto na escola.


O resultado destas aulas tem sido bastante positivo, tendo em vista que os 10 alunos atendidos têm superado desafios aprendendo seus nomes, cores, numerais, entre outros, desenvolvendo a linguagem, pensamento e a socialização. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário