01/09/16

Acusado de assassinar jovem e queimar seu corpo no Cariri é preso




Foi preso neste último final de semana em virtude de mandado de prisão preventiva o acusado de assassinar com dois tiros na cabeça o jovem Israel Ramos dos Santos, conhecido por Bolachinha. Vítima e acusado são naturais de Livramento e o assassinato ocorreu no último dia 24 de maio, tendo o corpo do jovem sido encontrado dois dias depois na zona rural de São José dos Cordeiros.


RELEMBRE O ASSASSINATO

A polícia civil de Serra Branca, comandada pelo delegado Dr. Rodrigo Monteiro, desvendou poucos dias depois o assassinato e descobriu que o acusado do homicídio era o frentista Arnaldo Almeida Pessoa Filho, conhecido como Júnior. Ele fugiu e se apresentou ao Fórum de Serra Branca na última sexta-feira (26), tendo sido imediatamente conduzido à cadeia Pública de Serra Branca.

Em depoimento nesta quarta-feira (31), o acusado confessou ter levado a vítima até a localidade chamada de Cruzeiro, onde assassinou o jovem com dois disparos de arma de fogo na cabeça e no outro dia pôs fogo no corpo, na tentativa de ocultar o cadáver.

Ainda em depoimento ao delegado Dr. Rodrigo Monteiro, Júnior apresentou como justificativa para o crime desavenças com a vítima. Segundo ele, o jovem Israel estava se relacionando com uma adolescente a qual ele ainda nutria sentimento e já teria feito brincadeiras de mal gosto com sua mãe, o que nutriu nele uma raiva que se agigantou e o fez cometer o assassinato.


O acusado ficará detido na Cadeia Pública de Serra Branca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário