21/10/16

Deputado faz alerta sobre situação crítica do açude de Sumé e cobra ações do Governo




O Cariri paraibano passa por sérios problemas de abastecimento de água. O açude de Sumé, que abastece as cidades de Monteiro, Sumé, Serra Branca e outros municípios do Cariri Ocidental encontra-se com apenas 4,5% da sua capacidade. “Daqui há poucos meses não teremos mais água. A situação é crítica e não temos nenhuma ação efetiva do Governo do Estado para minimizar o sofrimento da população”, disse o deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB), acrescentando que encaminhará expediente à Gestão Estadual cobrando providencias urgentes sobre o problema.

Segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), o açude de Sumé tem capacidade para acumular 44.864.100m³, mas atualmente encontra-se com apenas 2.016.450m³. O reservatório de Camalaú poderia ser usado para abastecer a região, mas o problema é que ele está com apenas 11,2% de sua capacidade, um volume considerado preocupante.

Atualmente na Paraíba, dos 128 reservatórios monitorados Aesa, 26 estão vazios e mais 58 se encontram com menos de 5% de capacidade. Ou seja, 65,6% dos reservatórios se encontram sem água ou com impedimento para abastecimento nos municípios. Conforme a Aesa, 38 reservatórios estão com capacidade armazenada superior a 20% do seu volume total e 31 se encontram em observação, com registro menor que 20% do seu volume total.


Com Ascom

Nenhum comentário:

Postar um comentário