03/11/16

Justiça agenda júri do acusado de mandar matar ex-vereador em Serra Branca




Foi agendado o júri do acusado de ser o mentor da morte do vereador Geraldo Caetano (Déa) em Serra Branca. O empresário José Sandro da Silva será submetido ao júri popular no próximo dia 17 de novembro, a partir das 09h00, no Fórum de Serra Branca.

O réu, que havia entrado com um pedido para o adiamento do seu julgamento junto à Justiça, será apresentado aos jurados que decidirão se o condenam ou não pela autoria intelectual do brutal assassinato do vereador Déa.

O ex-parlamentar foi assassinado à queima roupa com quatro tiros quando trabalhava em sua barraca de lanches em frente à Escola Estadual Senador José Gaudêncio no dia 21 de agosto de 2013.

O Poder Judiciário de Serra Branca prepara um esquema especial de segurança para jurados, réu e a própria população tendo em vista a repercussão que o crime gerou na cidade.

Uma lista com 25 nomes titulares já foi selecionada pelo juiz e os mesmos devem comparecer no dia e hora marcados para o sorteio dos sete nomes que comporão o júri.

Na defesa do réu estará uma banca de advogados contratada pelo mesmo e na acusação o promotor Dr. Uirassu de Melo Medeiros, assessorado por um advogado contratado pela família do ex-vereador Déa.


Com De Olho no Cariri

Nenhum comentário:

Postar um comentário