21/11/16

Projeto pode aumentar salário de prefeito, vereadores e secretários em Serra Branca




Em meio a uma grande crise econômica vivida pelo país e uma das maiores secas já vistas na história da região foi protocolado na Câmara Municipal de Serra Branca um projeto que pode gerar uma grande revolta da população.

A reportagem teve acesso com exclusividade a dois projetos, um deles é o de nº 010/2016, protocolado no último dia 23/09 que visa conceder aumento para o prefeito, vice, vereadores e secretários.

A intenção do projeto é elevar o salário do prefeito que atualmente já é de R$ 15.000,00 para R$ 17.000,00. O vice-prefeito que recebe R$ 7.500,00 ficaria com o teto de R$ 8.500,00. Se o projeto for provado o secretariado também terá um aumento de R$ 1.000,00, totalizando um salário mensal de R$ 4.000,00.

Outra proposta que tem o mesmo objetivo e trata do aumento de salários no legislativo também foi protocolada na Câmara de Serra Branca.  O projeto Nº011/2016 prevê a fixação dos subsídios dos vereadores em R$ 6.000,00 e do Presidente da Câmara podendo chegar a R$ 9.000,00, tendo em vista a aplicação do percentual de 50% que o chefe do legislativo pode desfrutar.

A Câmara Municipal de Serra Branca conta atualmente com nove vereadores que participam de quatro sessões mensais. Se dividido o valor do subsídio, cada vereador ganhará R$ 1.500,00 por sessão, enquanto o presidente R$ 2.250,00 por uma reunião semanal.

Se o projeto for aprovado e todos receberem o teto previsto na proposta, os cargos de prefeito, vice, secretários e vereadores iriam custar para a cidade de Serra Branca quase R$ 100.000,00 por mês. Enquanto isso o município encontra-se com um grande déficit de ruas sem calçamento, hospital e UBS com falta de serviços, convênio com o Cisco cortado por falta de pagamento, obras paralisadas e outros problemas.

Os dois projetos que visam o aumento de salários para o executivo e legislativo foram protocolados pelo vereador reeleito e atual Presidente da Casa Leidson da Silva, Hércules Holanda. A expectativa é que o projeto possa ir à votação na próxima sessão.

Com Paraibamix


Nenhum comentário:

Postar um comentário