16/01/2017

Vingança pode ter motivado homicídio na zona rural de Monteiro




A Polícia Civil segue investigando o primeiro homicídio registrado em 2017, no município de Monteiro. A suspeita é que o crime tenha sido motivado por uma ‘rixa antiga’ entre o acusado e a vítima, identificada como Vicente Antônio da Silva. O crime aconteceu na tarde deste domingo, 15, em um bar no Sítio Bolão, em Monteiro.

De acordo com o delegado de polícia Paulo Ênio, há 20 anos, um irmão do acusado foi assassinado em São Paulo, e o acusado sempre guardou mágoas de Vicente Antônio, pois este teria dado total apoio ao então suspeito de matar irmão do acusado do homicídio em Monteiro.

 “O acusado sabia que a vítima vinha de São Paulo todos os fins de ano, e aproveitando-se da ingestão de álcool e de um momento de desatenção da vítima, desferiu um golpe fatal de faca”, contou o delegado.

A Polícia trabalha na hipótese de vingança. O acusado já foi identificado e segue foragido, e ainda não foi localizado pela Polícia.

A vítima residia em São Paulo, e veio passar o fim de ano com familiares em Monteiro, e retornaria de viagem esta semana.

O CRIME

Por volta das 14h30 da tarde do domingo, um homem de 64 anos foi assassinado com um golpe de faca na altura do pescoço, em um bar na zona rural de Monteiro. A vítima estava bebendo com amigos no Sítio Bolão, quando um homem chegou repentinamente e golpeou a vítima.

Vicente Antônio chegou a ser socorrido para o Hospital Regional de Monteiro, mais veio a óbito na unidade de Saúde. O suspeito fugiu tomando rumo ignorado.


Com VITRINE DO CARIRI

Nenhum comentário:

Postar um comentário