28/03/2017

Assim não tem santo que aguente: Banda teria sido contratada por quase o dobro do preço em São Sebastião do Umbuzeiro




A denuncia de superfaturamento no preço de atrações que se apresentaram durante a tradicional festa do padroeiro São Sebastião, ganha novas informações.

De acordo com levantamento feito por nossa reportagem, os valores cobrados pelas atrações da noite tradicionalmente chamada de “a noite da prefeitura”, estão acima do dobro do valor normalmente cobrado.

Informaçoes obtidas atestam que a atração PERUANO CAVALEIROS, atração principal da noite da prefeitura cobrou apenas 32 mil reais para tocar na cidade de Mari recentemente. Já em Pirpirituba, o show da mesma banda teve um cachê de 44 mil reais

Mas em São Sebastião do Umbuzeiro o cachê da banda ficou por nada mais nada menos que 75 MIL REAIS.

Esta ultima informação está comprovada no SAGRES e é de livre acesso para toda a população. Alem disso, uma das fontes da informação é a responsável legal da banda.

Os shows chegam a ficar pelo valor médio de 30 mil reais sem nota, bem abaixo do valor estipulado no SAGRES

NOITE DA FAMILIA COSTA

Outro detalhe que chama a atenção, é que estão discriminadas despesas também na noite de 17 de Janeiro, sendo que esta noite teve como responsável a família Costa da ex vice prefeita Euda Costa, e que nesta noite a prefeitura não gastou um centavo sequer com apresentações artísticas.

O portal aguarda um posicionamento do prefeito, afinal o dinheiro gasto e utilizado na festividade é oriundo dos cofres públicos, e uma cidade pequena como Umbuzeiro não pode se tornar destaque negativo, com notícia como esta.


Nenhum comentário:

Postar um comentário