20/05/2017

Aprovado projeto que obriga escolas do município a comunicarem ao conselho tutelar comportamento de alunos




Foi aprovado na sessão da última quinta feira na câmara municipal de Monteiro, o projeto de lei que obriga as escolas da rede pública municipal a comunicar ao Conselho Tutelar e aos pais, a ocorrência do excesso de faltas dos alunos, e dá outras providências.

De acordo com o projeto, ficam obrigadas as escolas da rede pública municipal, a comunicar, por escrito, em caráter preventivo, ao Conselho Tutelar e aos Pais (ou responsáveis), a ocorrência do excesso de faltas dos alunos regularmente matriculados nas Escolas do Ensino Fundamental, antes que ultrapassem o limite permitido de vinte e cinco por cento (25%) de ausências.

De acordo com o vereador Cajó Menezes a evasão escolar sempre foi e continua sendo um grande e grave problema das escolas públicas brasileiras.

“Na correria do dia a dia, nem sempre os pais têm disposição e tempo para acompanhar a evolução da vida escolar de seus filhos. Dependendo da idade, então, torna-se quase impossível esse acompanhamento”, disse Cajó.


“O nosso objetivo é justamente tentar impedir que o aluno seja prejudicado pela “repetência” ocasionada pelo excesso de faltas, tendo em vista que a grande maioria dos pais, salvo exceções, alegam, nesses casos, desconhecerem a situação de seus filhos neste quesito”, completou o vereador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário