29/06/2017

Dudu tem contas reprovadas pelo TCE e deverá devolver mais de 200 mil; ex-prefeito silenciou após decisão







A não apresentação de defesa motivou a reprovação às contas de 2014 do ex-prefeito de Serra Branca, Eduardo José Torreão Mota. O Tribunal de Contas da Paraíba impôs ao ex-prefeito serra-branquense o débito de R$ 266.875,50 decorrente de despesas irregulares apontadas em denúncia anexada ao processo de contas.

A denúncia teve a relatoria do conselheiro Arthur Cunha Lima e a assessoria do tribunal não divulgou mais detalhes da acusação que pesa contra Dudu.

Nos arquivos da Serra Branca FM, entretanto, é possível verificar que a denúncia é referente às notas frias emitidas pela Secretaria de Obras em seu governo, acusação essa que foi o mote da oposição na última campanha eleitoral.

Nossa reportagem entrou em contato com o ex-prefeito e ele confirmou que a acusação é realmente referente a esse processo, impetrado à época pelos líderes do PT. Eduardo Torreão, no entanto, disse que não iria se manifestar até ser notificado oficialmente pelo Tribunal, mas confirmou que apresentará sua defesa em grau de recurso.


Com De Olho no Cariri

Nenhum comentário:

Postar um comentário