25/09/2017

Zabelê continua investindo pesado em saneamento







Nos primeiros 9 meses já foram implantados mais de 700 metros de tubulações novas. Além de reformas constantes em redes de esgotos existentes.

Apesar de não ser uma obra que traga grandes dividendos eleitorais para os gestores, o saneamento básico é indispensável para a saúde humana. Para a gestão atual de Zabelê estas obras são compreendidas como o controle e a manutenção de todos os meios físicos do homem que possam afetar prejudicialmente a sua saúde e portanto, essenciais para todos.

Oficialmente, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), “saneamento básico é o controle de todos os fatores do meio físico do homem, que exercem ou podem exercer efeitos nocivos sobre o bem-estar físico, mental e social”.

Em questões práticas, O município de Zabelê reconhece essa importância do saneamento básico está trabalhando através da secretaria de Infraestrutura para implantação de sistemas e modelos públicos que promovam o abastecimento de água, esgoto sanitário e sua destinação correta.

É pensando nisto que a gestão do prefeito Dalyson neves, com o objetivo de prevenção e controle de doenças, promoção de hábitos higiênicos e saudáveis, melhorias da limpeza pública básica e, consequentemente, da qualidade de vida da população, está trabalhando muito desde que assumiu os destinos da cidade de Zabelê no cariri paraibano.

Já são mais de 700 metros de tubulações implantados nos primeiros 9 meses da administração Dalyson Neves nas ruas Ezequiel Vaz de Medeiros conhecida como rua da associação, loteamento Pica-Pau, rua José Tibúrcio, rua José Raimundo Ferreira, rua Dr. João Feitosa Ventura e rua José Adelson de Sousa na saída para o sitio Papagaio.

Para o prefeito Dalyson “Os serviços de saneamento básico são considerados essenciais, é a partir deles que podemos promover as condições mínimas de desenvolvimento social. Cabe aos gestores e às políticas públicas o papel de responsabilidade, articulação e reversão dessa realidade, principalmente em regiões mais pobres, como é o nosso cariri paraibano, são encontradas as situações e os índices mais alarmantes de falta de saneamento básico”, enfatizou o Prefeito


ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário