20/10/2017

Prefeitura de Sumé incentiva ensino técnico profissionalizante, superior e estágio remunerado




O prefeito Éden Duarte tem feito em sua gestão importantes parcerias com instituições públicas e privadas de educação para possibilitar a muitos sumeenses, principalmente os de baixa renda, o acesso à educação de ensino técnico e superior.

Em março deste ano, a Prefeitura de Sumé firmou parceria com o Complexo Educacional do Cariri e puderam ofertar seis bolsas de estudo integrais de cursos técnicos profissionalizantes para o público beneficiário do CadÚnico, principalmente do Bolsa Família.

Os contemplados estão tendo a oportunidade de se formar em Técnico de Enfermagem, Técnico em Radiologia e Técnico em Farmácia.

E a parceria com a escola foi tão positiva, que neste mês de outubro, novas bolsas foram sorteadas para novos cursos e em número maior. Desta vez as instituições ofereceram oito bolsas integrais e quatro bolsas com 50% de desconto para os Cursos Técnicos em Veterinária, Administração, Análises Clínicas e Saúde Bucal.

O coordenador do Complexo Educacional do Cariri, Cícero Roberto, elogiou os incentivos que a Prefeitura de Sumé tem dado para a Educação do município. “É uma parceria muito valiosa, a gente elogia e parabeniza a atitude do prefeito Éden que tem mostrado preocupação com a educação dos jovens. Quando procuramos a Prefeitura para nos dar na cidade incentivo para os cursos, Éden propôs que o Complexo Educacional desse a sua contrapartida para o município e assim estamos fazendo, oferecendo bolsas e ajudando na educação de jovens de Sumé”, declarou Cícero Roberto.

O prefeito também buscou incentivos para o ensino superior e firmou convênio entre a Prefeitura e o Centro Universitário UNIFACISA que possibilita desconto de 20% no valor das mensalidades para estudantes residentes e domiciliados no Município de Sumé que ingressarem nos cursos da instituição através do vestibular unificado da Unifacisa/FCM.

Outro importante projeto do prefeito Éden é a abertura de estágio remunerado pela administração do município por meio da concessão de Bolsa-Estágio. Para esta concessão, o Poder Executivo enviou projeto de lei à Câmara de Vereadores que foi aprovado pela Casa e sancionado pelo prefeito por meio da Lei 1.235/2017.

Para o estágio é necessária, além da celebração de convênio específico entre o Município de Sumé e as instituições de ensino, a exigência de  assinatura de Termo de Compromisso entre o Poder Executivo, a Instituição de Ensino pública ou privada e o  aluno estagiário.

O estágio é aberto para o estudante que esteja cursando o segundo ano  do  Ensino  Médio Profissionalizante ou o terceiro ano do Ensino Superior, preferencialmente os residentes em Sumé.

As áreas administrativas da Prefeitura que poderão receber os estagiários são: Contábil/Financeira e Tributação,  Recursos Humanos, Compras e Licitações, Educação, Cultura e Esporte, Saúde, Assistência Social e Desenvolvimento Agrário e Meio Ambiente.

Os alunos estagiários do Ensino Médio Profissionalizante terão carga horária semanal de 30 horas compreendendo basicamente 135 horas mensais e perceberão Bolsa-Estágio mensal no valor de R$ 300,00 (trezentos  reais).

Os alunos estagiários do Ensino Superior terão carga horária semanal de 30 horas, compreendendo basicamente 135 horas mensais e perceberão Bolsa-Estágio mensal no valor de R$ 600,00 (seiscentos reais).

Éden declarou que durante a sua gestão vai continuar buscando incentivos para possibilitar que muitos jovens tenham acesso ao ensino técnico e superior, principalmente para aqueles que possuem dificuldade em assumir o custo total da mensalidade.


Com Ascom
FOTO: Franklin Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário