16/04/2018

“Galega” Andreia Viana recebe troféu em homenagem ao seu pai na 12ª Cavalgada em Monteiro






A 12 edição da Cavalgada em Monteiro foi um verdadeiro sucesso, reuniu centenas de cavaleiros e cavaleiras (Amazonas), em um evento que virou tradição.

Na edição deste ano o grande homenageado foi o empresário João Viana (In memorian), quem esteve presente para receber a homenagem foi a filha, Andreia Viana, ao lado de sua mãe Elza Campos

QUEM FOI JOÃO VIANA

Ele nasceu em Camalaú em 1946, veio para Monteiro onde se apaixonou pela cidade e a guardou em seu coração.

Aos 13 anos foi para São Paulo em busca de trabalho, a exemplo de muitos nordestinos tentar uma vida melhor, lá exerceu várias profissões.

Em 1975 ingressou na cegonha, apesar das dificuldades João Viana, com muito trabalho e fé em Deus conseguiu vencer e proporcionar a sua esposa Elza Campos e filhos Andreia Viana e Ricardo Viana uma vida mais digna.

Mas João queria mais e conseguiu abrir uma transportadora, voltou para Monteiro, sua terra amada aonde fez grandes investimentos, ajudou a muitos, adquiriu terras.

Sonhou com a construção de uma casa de show digna de cidade grande, durante anos lutou contra a diabetes e insuficiência cardíaca.
O forte João Viana faleceu em 10/01/2011, após realizar seu sonho de inaugurar a casa de shows Portal do Cariri na entrada da cidade que tanto amou.

João Viana, o homem que fez história em Monteiro, com certeza deixou saudades em todos que tiveram o privilégio de conviver com esse ser humano singular.

A homenagem

A sua filha “A Galega” Andreia Viana recebeu um troféu das mãos do agropecuarista e presidente da Associação dos cavaleiros simbolizando a homenagem.

Andreia Viana fez uso da palavra e em versos de sua autoria agradeceu a homenagem falando sobre o seu pai.

A POESIA

O TAL JOÃO

Quando uma pessoa nasce
Já sabemos com clareza
Seja rico ou seja pobre
Sua morte será certeza

E aqui na Paraíba
Uma vez nasceu João
Foi embora pra São Paulo
Mas deixou seu coração

Trabalhava de sol a sol
Só pensava em vencer
Queria pra sua terra voltar
E aqui envelhecer

Alguns anos se passaram
E assim disse o tal João:
Agora volto a Monteiro
Pois lá deixei meu coração

Aqui ele fez amigos
Na cidade investiu
Comprou terra, comprou gado
E até um clube ele abriu

Foi realizando seus sonhos
Construídos com paixão
Ajudava todo povo
Que sofria no sertão

O tempo foi passando
E a doença, sem compaixão
Começou a enfraquecer
O nosso querido João

E aqui escreveu sua história
Foi um grande investidor
Uma certeza hoje eu tenho
João Viana foi um homem
Que Monteiro se orgulhou

João Viana
* 03/02/43
+ 10/01/11

Nenhum comentário:

Postar um comentário