03/04/2018

Prefeitura de Sumé lança projeto de incentivo à leitura e CD com o Hino do Município









No último domingo, 1° de abril, a Prefeitura de Sumé comemorou 67 anos de emancipação política.

Na programação constaram torneios de basquete e futebol, corrida de rua, projetos culturais, shows musicais, entrega da reforma da Escola Maria Leite Rafael e o lançamento de dois importantes projetos idealizados pela gestão municipal que foram o lançamento com a gravação oficial do Hino de Sumé e a implantação do Projeto Casinha da Leitura.

O Hino do Município, criado pela Lei Municipal n° 465, de 30 de novembro de 1985, com letra de Maria do Socorro Silva, música do maestro Antônio Bezerra da Silva e arranjo do maestro Nunes, foi agora gravado em estúdio com a edição e o acompanhamento do maestro Diego Bruno de Souza, atual maestro da Filarmônica Municipal Antônio Josué de Lima.

O CD conta com duas faixas, uma versão instrumental, tocada pela Filarmônica Municipal e a outra com coro nas vozes dos cantores Jéssica Vieira, Emerson Sousa, Sérgio Murilo e Klerianne Rafael.

O lançamento do CD aconteceu na noite do último domingo na Praça José Américo, assim como o projeto “Casinha da Leitura”, uma espécie de biblioteca de rua, idealizada pelo prefeito Éden e posta em prática pelo secretário de Finanças Miguel Robério e pela Secretaria Municipal de Educação.

A Casinha foi instalada na Praça José Américo e nela ficarão disponibilizados livros para leitura. As pessoas podem escolher um livro que esteja disponível no local, levar para casa para fazer a sua leitura e depois devolvê-lo. Os livros são provenientes de doações da população. Qualquer pessoa pode doar um livro para o projeto. No verso da capa de cada livro constará um carimbo com o nome do doador.

Nesse momento de implantação, a Prefeitura recebeu doações de livros do prefeito Éden, do escritor Sonielson Juvino, de Juarez Gouveia, Antonita Raphael, Tarcísio Fagundes, das crianças Maria Luiza Caluête e Bento Melo. Também contaram com o patrocínio da Cariri Web e da empresa Saile.

É objetivo da Prefeitura ampliar o projeto para outros pontos da cidade. Cada casinha instalada terá homenagem a personalidades ligadas à Educação ou à Cultura do município. A primeira casa leva o nome da professora Estelita Araújo.

Uma ficha ficará disponível para os leitores escreverem sua avaliação sobre o livro que leu e um e-mail foi criado para que também possam compartilhar experiências e sugestões.

Ascom PMS

Nenhum comentário:

Postar um comentário